O Evento

14º FNESP
Empreendedorismo e Inovação no Ensino Superior


20 e 21 de setembro de 2012.
Hotel Renaissance
Alameda Jaú, 1620 – Jardins
São Paulo – SP

Os dirigentes das instituições de ensino superior (IES) reconhecem que é preciso instigar o empreendedorismo, a inovação e a diversificação de captação de recursos. Estimular a formação de líderes; pensar na oferta de serviços educacionais; manter um diálogo com os empregadores; a efetiva colaboração entre IES e empresa, além de formar pessoas que tenham empregabilidade, tornou-se uma exigência para os gestores que pensam na competitividade e no sucesso de suas instituições.

É nesse cenário que surgem IES com estilo empreendedor, que estimulam a inovação e concepções acadêmicas e administrativas, capazes de superar os modelos tradicionais de gestão.

O ensino superior tem colaborado efetivamente para a consolidação da sociedade do conhecimento e melhoria das condições econômicas dos países. No Brasil, por exemplo, o setor movimenta em torno de R$ 26 bilhões por ano, atrai investimentos, gera empregos e contribui para o desenvolvimento do país.

As análises sobre o ensino superior apontam que as instituições empreendedoras e inovadoras tendem a superar suas fragilidades internas; colaborar com a economia; diversificar a captação de recursos, além de tornarem-se cada vez mais atrativas aos estudantes, professores e colaboradores.

A cultura empreendedora pode ser implantada em todas as instituições, melhorando os seus resultados acadêmicos e administrativos, não importando o tamanho e a capacidade financeira da IES. Entretanto, fator crucial para a prática do empreendedorismo institucional é o comprometimento e a mudança de postura dos principais líderes.

%d blogueiros gostam disto: